Não seja o porquê de alguém - Beda #4

9 de abril de 2017

Se você aí tem redes sociais, certamente, já ouviu falar da série 13 reasos why da Netflix, e, mesmo com o lançamento há poucos dias, 31 de março, a mesma já é febre entre os adolescentes.

Agora, por quê?

A série aborda um tema muito complexo e sério que é o suicídio. Sem meias palavras, sem brincadeira. Muitos episódios são pesados, inclusive os que figuram suicídio e estupro. Arrepia ver uma realidade atual da forma que a série mostra: o bullying, o preconceito, o abuso, a tortura emocional e outros.

Sobre a série... AVISO DE SPOILER

Hannah é uma adolescente de 17 anos que se suicida e deixa gravado em fitas os 13 motivos que a mataram, como um desabafo. Cada um deles é uma pessoa diferente que deve escutar as fitas do inicio ao fim. As 13. Caso não as escute, as mesmas serão divulgadas.

A série se desenvolve com o Clay escutando as fitas, cada episódio é ele ouvindo uma. Mas, para a Hannah, o Clay não é um dos porquês, não que ele não se sinta. Cada um dos verdadeiros porquês teve influência sobre a vida da Hannah e de jeito ou outro, a fez sentir-se humilhada, sozinha e suja. Esses três itens foram o que a levou a cortar os pulsos e sangrar até a morte. 

Isso é sério. Muito sério!

Desistir da própria vida é estar em uma situação difícil de se reverter. Não é besteira, nem infantilidade, nem nada do gênero. É um fator real, a própria Organização Mundial da Saúde alertou que o suicídio é um problema de saúde pública que deve ser visto como prioritário por gestores de todas as nações. É preciso prevenção!

Não seja um dos porquês. Tenha empatia e seja você a prevenção!

Lembre-se que agredir uma pessoa é muito mais fácil do que se imagina, principalmente, se a pessoa já passa por problemas. Não haja como alguém que não se importa, às vezes, um simples "como vocês está" faz toda a diferença.


A CVV - Centro de Valorização da Vida tem muitos canais para ajudar todo aquele que quer ser escutado, se por um momento, você pensar que existe um porquê iguais os da Hannah, há ajuda e apoio, a CVV criou um espaço onde o que você sente importa sim. Ligar 141 pode mudar para sempre uma vida. E além disso, você pode ser voluntário na causa e ajudar pessoas que precisam da sua atenção.


"A esperança é o fato de que, segundo a Organização Mundial da Saúde, 9 em cada 10 casos poderiam ser prevenidos. É necessário a pessoa buscar ajuda e atenção de quem está à sua volta."

Quando nos deparamos com momentos assim, não sabemos agir. "O que fazer? Se você achar que alguém esteja pensando em se matar, a orientação é simples: converse de forma direta e sem julgamentos. Tente identificar em que estágio essa pessoa se encontra. A ideia passa pela cabeça ou já avançou para o planejamento?"

Pequenezas como essa podem salvar uma vida...



Ps.: eu sei, hoje é dia 9 e é o post 4 - muito triste! Porém não quero desistir do BEDA, mesmo com as dificuldades de não ter postado durante a semana... Tenho consciência que é importante postar um em cada dia, mas recompensarei esses dias, prometo!

2 comentários

  1. Algo que a série mostra é como pra cada um que fez um mal, grande ou menor, aquilo era só 1 coisinha, mas que pra Hannah é mais uma coisa no meio de muitas outras, que foram se acumulando até transbordarem e levarem ela a uma decisão extrema. A gente não sabe as batalhas que os outros enfrentam mesmo e deveriamos ser mais sensíiveis uns com os outros.

    ResponderExcluir
  2. Exatamente, existem tantas pessoas com problemas e o minimo que deveríamos fazer é mostrar um pouco de humanidade sendo gentis. E não é sempre que isso acontece...

    ResponderExcluir

Fique a vontade para comentar e transmitir sua opinião! ♥

Anuncie

 
Desenvolvido por Michelly Melo.